1ª Parte: Pré Escolar 

Como escolher a escola do filho é na minha opinião é um tema que dá muita dor de cabeça.

A Belinha nasceu em Dezembro, foi a nossa muito desejada prenda de Natal.  

As creches não aceitam bebés antes dos 3 meses e ter uma ama além de dispendioso é necessário que tenha referências devidamente confirmadas, porque com tudo o que se vê por este mundo a fora temos de ter muito cuidado nas mãos de quem deixamos o nosso bem mais precioso, o nosso potinho de mel.

Pensando nisto tudo decidimos que a Belinha ficaria comigo durante os primeiros 8 meses de vida.

Foi através de um casal amigo que escolhemos a creche para a Belinha. Foi fácil a escolha, perto de casa, esse casal amigo tinha lá a filha e estava muito satisfeito e além disso não conhecíamos mais nada. E desta forma começou a aventura da Belinha e as minhas angústias,  aos 8 meses levei pela primeira vez a Belinha à creche e foi aterrador…. para mim, claro!

A Belinha ficou bem, com pessoas muito profissionais, que a acarinharam muito e que lhe deram muito colinho.  Claro que chorava de cada vez que a deixava, normal, é um processo de habituação ao novo espaço, aos novos amigos e às educadoras / auxiliares, isto dizia eu todos os dias enquanto conduzia para o trabalho, mas a verdade é que aquele choro ficava gravado na minha cabeça e passava o dia a pensar como estaria, se tinha comido, se tinha parado de chorar, etc. Angústias dos primeiros dias de creche para uma mãe.

Com 3 anos de idade, vimo-nos novamente na situação de ter que escolher uma nova escola e gostaríamos que incluísse pré primária e 1º ciclo.

Não gosto muito de mudanças, normalmente demoro muito tempo na adaptação e além disso a Belinha é muito tímida no contacto com pessoas novas, tem dificuldades de adaptação e sentimos que a cada mudança eu sofro muito por isso queremos que ela sinta estabilidade e confiança para que tenha uma evolução dentro dos possíveis sem sofrimentos desnecessários. Estudos defendem que devemos manter as crianças na mesma instituição de ensino durante o máximo de tempo possível.

1 2 3 4 5
Alexandra Catarino
Autor

Office Manager numa empresa de biotecnologia, engenheira química de formação, contabilista da casa e uma mãe galinha mas ternurenta! Assim me apresento neste meu blogue, onde vou partilhar com vocês as dicas e regras que sigo para manter o meu UNIVERSO COR-DE-ROSA

Comente Este Artigo

eleven − 2 =